Na Política

Biblia Online

09/03/20 | 04:57h (BSB)

Segue release. Antecipadamente agradeço a veiculação Feminicídio e crianças vítima do crime é tema

O Feminicídio é um grave problema no país, que registra uma das maiores taxas desse crime no mundo. A temática, que foi amplamente discutida em debate, na Câmara Municipal de Aracaju (CMA) teve um o foco especial: as consequências que esse crime trás para a vida das crianças. A Audiência Pública foi de autoria da vereadora Emília Corrêa (Patriota).

Segundo a vereadora, o tema, que por si só já merece ser discutido em exaustão, por conta do crescente índice, ter esse foco para as crianças que ficam órfãs é de suma importância. “O feminicídio é extremamente grave, mas ele deixa uma sequela ainda pior: porque além da perda, do direito que a mulher tem da sua integridade física, da sua vida que é o seu maior bem jurídico, quando acontece um feminicídio, na maioria das vezes, crianças ficam órfãs. E esse será no nosso foco hoje. Sobre esse efeito na família”, pontuou.

Para Dra. Lilian Carvalho, promotora da Infância e Adolescente, que esteve presente na Audiência, não se pode discutir nenhum tipo de violência doméstica, sem analisar o contexto familiar. “O tema é bastante pertinente e interessante, pois não podemos discutir nenhum tipo de violência, principalmente a doméstica, sem analisar o contexto familiar. Esse, aliás, é um dos casos mais comuns na promotoria e a gente percebe o quanto esse sofrimento trás consequências para uma vida inteira”, afirmou.

Da Ascom



02-06-2020
 

 

 

Resultados - Eleições 2016

 

Setransp

 

Setransp

 

Setransp

 

 

Parceiros
TPM

 

 

Fazer o Bem

 

Ciclo Urbano

 

Adjor

 

Sindjor

 

 

Twitter